Novas receitas

10 coisas que você não sabia sobre a cerveja artesanal (apresentação de slides)

10 coisas que você não sabia sobre a cerveja artesanal (apresentação de slides)

Quer você seja um novo bebedor de cerveja ou um especialista, temos certeza de que aprenderá um pouco mais sobre cerveja artesanal aqui

10 coisas que você não sabia sobre cerveja artesanal

Para novatos em cerveja, fugir de clássicos confortáveis ​​como Sam Adams e experimentar cervejas artesanais com nomes dos quais você nunca ouviu falar pode ser intimidante. Há muito que diferencia as cervejas artesanais das clássicas.

Estilo Mais Popular na América

India Pale Ale - um estilo lúpulo de cerveja dentro do Pale Ale categoria, que é fabricada principalmente com maltes claros para uma proporção mais igual entre malte e lúpulo - é a mais estilo popular de cerveja artesanal entre os bebedores de cerveja artesanal americanos.

O que há nele?

Os três ingredientes principais em cerveja artesanal, além da água, devem ser cevada maltada, lúpulo e fermento.

Hop favorito

Cascade é a preferida lúpulo varietal entre os cervejeiros artesanais.

Pior copo para degustação de cerveja

O que é um cervejeiro artesanal?

Um cervejeiro artesanal americano é definiram como pequena, independente e tradicional produtora de cerveja. As cervejarias artesanais são pequenas em tamanho de produção, independentes em propriedade e tradicionais na fabricação de ingredientes de cerveja e métodos de fermentação.

Cervejeiros caseiros famosos

Os presidentes George Washington, Thomas Jefferson, James Madison e Barack Obama têm todos cerveja fabricada em suas casas enquanto servia em um cargo.

É bom para você

Thinkstock

Cerveja faz bem aos ossos! Contém altos níveis de silício, uma substância que promove ossos fortes.

Número de cervejarias artesanais

Estados com a maioria das cervejarias artesanais

Califórnia, Washington, Colorado e Oregon têm mais cervejarias artesanais do que quaisquer outros estados.

Segundo maior produtor de lúpulo


10 coisas que você (provavelmente) não sabia sobre o Tunnock's

Existem várias coisas essenciais que a maioria das pessoas na Escócia (e em outros lugares) provavelmente adicionará à sua lista de coisas de que precisam para sobreviver em uma ilha deserta, mas estamos supondo que mais do que alguns teriam os Teacakes Tunnock ou Caramel Wafers escritos entre os 5 primeiros.

Poucas coisas tornam a visita de um parente idoso melhor do que a oferta obrigatória de alguma forma de Tunnock's mimos, seja o luxuoso Teacake, o delicioso Wafer ou, ocasionalmente, o levemente exótico Snowball.

Na verdade, a maioria dos escoceses provavelmente teria 'fazer um tour pela fábrica de Tunnock' em sua lista de 'coisas escocesas para fazer antes de morrer'.

É o único quebra-gelo garantido para reunir qualquer escocês em uma sala: "Qual é o seu Tunnock favorito - o Teacake, o Caramel Wafer, o Caramel Log ou o Snowball?"

Quase tão icônico quanto Irn Bru, salmão defumado, haggis ou uísque, aqui estão 10 coisas que você (provavelmente) não sabia sobre uma das melhores empresas de confeitaria da Escócia:

1. A empresa foi formada por Thomas Tunnock como Tunnock's em 1890, quando ele comprou uma padaria em Lorne Place, Uddingston.

Thomas Tunnock com seu filho Archie. Foto: TSPL

A empresa cresceu a partir desse início humilde para se tornar uma empresa privada de panificação bem-sucedida, antes de ficar rica com sua linha de confeitaria.

Em uma entrevista recente ao Telegraph, Boyd Tunnock, o neto de Thomas disse: "Entre as guerras, meu pai [Archie] era o maior fornecedor privado da área de Glasgow. Tenho todos os seus diários de 1933 a 1942 - nós os levamos para exposições e alguém dirá: 'Seu pai fez o casamento da minha avó', então vamos dar uma olhada e aí está. "

Originalmente comprada por apenas £ 80, a empresa agora produz 80 toneladas de caramelo por semana - 1,5 tonelada por hora.

O caramelo é derramado do caldeirão borbulhante. Foto: TSPL

Eles compram cerca de 25 toneladas de coco por mês e cerca de 15 toneladas de manteiga de cacau por semana.

Com esses ingredientes, eles fazem entre dez e 12 milhões de biscoitos e bolos por semana, incluindo cerca de 5 milhões de wafers (referenciados na embalagem do wafer) e 3 milhões de bolos de chá.

2. Tunnock's vende em mais de 40 países e é extremamente popular no Oriente Médio

O menino de Tunnock. Foto: Wikimedia

A empresa de biscoitos sediada em Uddingston embarca para mais de 40 países em todo o mundo e é muito popular no Oriente Médio, com Iraque e Kuwait, representando cerca de 20 por cento do total de suas exportações.

O padeiro da família revelou recentemente que o Iêmen recebeu 300.000 bolachas de caramelo apenas nos últimos 12 meses.

As bolachas de caramelo também são um grande sucesso no Kuwait, onde são conhecidas como 'biscoitos de menino' em homenagem ao rosto do menino de Tunnock (que nunca foi nomeado) na caixa.

Os primeiros produtos exportados pela empresa foram Caramel Logs para Newfoundland, Canadá em 1957, enquanto Trinidad adora Caramel Wafers e Wafer Creams e até mesmo as Ilhas Faroe comem cerca de 125.000 Caramel Wafers por ano.

Todo esse sucesso e a empresa ainda tem apenas um gerente de vendas de exportação e ele aparentemente não viaja para o exterior.

3. Boyd Tunnock, inventor do Teacake, tem um caderno de Tunnock muito especial

Boyd Tunnock com equipe na linha de produção de bolachas de caramelo. Foto: TSPL

Boyd Tunnock, o inventor do Teacake, carrega um caderno muito especial no qual escreveu tudo o que precisa saber sobre a empresa da família. O conteúdo do caderno, que inclui todos os últimos números de vendas e estatísticas da empresa, também contém as receitas para as criações de sua assinatura e ideias para receitas futuras.

Aparentemente, ele até mantém um pequeno círculo no caderno, desenhado na capa interna, com o qual mede as bases de biscoitos assados ​​para os bolinhos de chá para garantir que tenham o tamanho certo.

4. O gigante Tunnock's Teacakes da cerimônia de abertura dos jogos da Commonwealth foram colocados em leilão

Os dançarinos do Tunnock na cerimônia de abertura dos Jogos da Commonwealth. Foto: TSPL

É isso mesmo, você poderia ter comprado e possuído uma dessas peças incríveis de memorabilia. Gostaríamos de ter feito isso, apenas para que pudéssemos ser tão legais quanto o cara no canto inferior direito.

Os bolos de chá gigantes foram vendidos como lembranças exclusivas de edição limitada e ainda vinham completos com holograma e carta de autenticidade.

A Tunnock's foi um sucesso tão grande na Cerimônia de Abertura que Waitrose revelou que nas semanas seguintes as vendas de desempenho dos Tea Cakes da Tunnock aumentaram 62 por cento!

Na verdade, a empresa até relatou este ano que fez um enorme 15 milhões de aumento nos bolos de chá vendidos desde os Jogos da Commonwealth em Glasgow 2014.

5. A Tunnock's apareceu em camisetas, foi a inspiração para bolos de casamento e até teve alguns de seus produtos miniaturizados para casas de boneca

A coleção de roupas da empresa Tea Cake inclui camisetas, suéteres com capuz e gorros.

The Tunnock's T (ea) Shirt com o logotipo do wafer caramelo. Foto: Tunnock's

Eles também venderam abotoaduras com logotipos de wafer caramelo e um cubo de Rubik da Tunnock.

Os produtos da Tunnock foram até miniaturizado e vendido como mobília de casa de boneca.

A fabricante de casas de bonecas, Sheena Hinks, mostra seus bolos de chá em miniatura e criações de Irn Bru. Foto: TSPL

Eles até serviram de inspiração para um bolo de casamento, com Mathew Watt, 37, e a esposa Siobhan, 34, indo um pouco mais longe do que a média dos casais com seu amor pelo Teacake.

O casal gastou £ 395 neste bolo de casamento superdimensionado em formato de esponja de chocolate, coberto com glacê vermelho e prata para recriar a famosa embalagem.

Bolo de casamento temático do Tunnock. Foto: TSPL

O Sr. Watt, um designer de interiores, disse ao escocês: “No dia, o bolo realmente recebeu mais atenção do que nós, mas isso não foi uma coisa ruim. Ficamos muito felizes com isso. ”

E eles não são os únicos a compartilhar seu amor por Tunnock no dia do casamento, o primeiro-ministro, Nicola Sturgeon, disse ter encomendado Tunnock's para fazer seu bolo de casamento.

6. Houve uma exposição de arte dedicada à empresa

Exposição Tunnocks no Glasgow Print Studio. A assistente Olivia Bliss move as obras de arte. Foto: Robert Perry

Em 2010, o Glasgow Print Studio realizou uma exposição de arte, Tunnocked, na qual os artistas homenagearam o humilde Teacake, bem como seus primos, o Caramel Wafer e a Snowball.

Entre as 40 diferentes obras de arte inspiradas nos deliciosos produtos criados pela Tunnock's, estava um Caramel Wafer que havia sido colocado atrás de um vidro para emergências, tão essencial que era para o artista Harry Magee.

7. Os produtos da Tunnock têm muitos fãs de celebridades, incluindo várias estrelas pop mundialmente famosas

Chris Martin, o cantor do Coldplay, disse sobre suas guloseimas favoritas: "Você não pode escolher entre o Wafer de Caramelo e o Bolo de Chá - eles são como Lennon e McCartney, você não pode separá-los."

Enquanto Howard Donald, do famoso Take That, ficou maravilhado depois que fãs de Manchester compraram para ele um bolo de aniversário Tunnock's Teacake, que foi apresentado a ele no palco em Glasgow.

A cantora Amy MacDonald até sugeriu que ela adoraria ter sido uma das dançarinas dentro de um Tunnock gigante na cerimônia de abertura dos Jogos da Commonwealth.

8. Alex Salmond certa vez cumprimentou o magnata da mídia australiana Rupert Murdoch com um Tunnock's Caramel Wafer e uma xícara de chá

O primeiro ministro admira um Teacake Tunnock por uma sessão de fotos na fábrica de Uddingston. Foto: Phil Wilkinson

Alex Salmond aparentemente ofereceu um wafer de caramelo e uma xícara de chá para Rupert Murdoch enquanto ele recebia o chefe da News International em Bute House.

Alex Salmond garantiu aos MSPs durante os FMQs subsequentes, quando foi questionado sobre a visita, que não havia nada de especial envolvido. “Não havia ostras. Tudo o que você ganha na Bute House é uma xícara de chá e um wafer de caramelo Tunnock. ”

Temos certeza de que MrMurdoch ficou mais do que feliz em aceitar a oferta!

9. Uma vez, Tunnock enfrentou o fiscal sobre a classificação de suas bolas de neve e venceu!

Os trabalhadores embalam bolos de chá na fábrica de Tunnock.
Foto: Robert Perry

Tunnock's, se uniram com o rival de Lee, para contestar uma decisão que os obrigou a pagar imposto sobre suas bolas de neve, classificando-as como “confeitaria com classificação padrão”, que as classificava como um biscoito.

Os juízes Anne Scott e Peter Sheppard, do Tribunal Tributário de Primeiro Nível, testaram um prato de guloseimas, incluindo bolos Jaffa, tortas Bakewell e merengues - todos classificados como bolos para fins fiscais - enquanto tomavam sua decisão.

A Sra. Scott então disse: “Uma bola de neve parece um bolo. Não está fora do lugar em um prato cheio de bolos. Uma bola de neve tem a sensação de um bolo. ”Ela acrescentou:“ Embora nem todos considerem uma bola de neve um bolo, descobrimos que esses fatos significam que uma bola de neve tem características suficientes para ser caracterizada como um bolo. Por todas essas razões, os recursos foram bem-sucedidos ”.

Tunnock's recebeu um desconto de pouco mais de £ 800k depois que ambas as empresas venceram seus recursos.

10. A empresa é tão bem-sucedida que Boyd Tunnock está agora na lista dos ricos do Sunday Times

Com um patrimônio líquido de £ 75 milhões de libras - o mínimo necessário para fazer o corte na Escócia - Boyd Tunnock está agora na lista dos ricos do Sunday Times.

11. Até mesmo os esquilos aparentemente amam os Teacakes Tunnock

Um esquilo aprecia um Teacake de Tunnock retirado de uma lixeira no parque Kelvingrove de Glasgow. Foto: Mike McGurk

Este cara atrevido foi flagrado desfrutando de um Teacake no parque Kelvingrove uma tarde.


9 coisas que você não sabia sobre cerveja

Mate sua sede de conhecimento com esses fatos impressionantes sobre o álcool.

1. A Casa Branca fabrica sua própria cerveja.

O presidente Obama é o primeiro presidente a fazer cerveja nos terrenos da Casa Branca, de acordo com o blog oficial da Casa Branca. Confira as receitas do The White House Honey Porter e da White House Honey Ale, que incluem mel de colmeias também cultivado na Casa Branca.

2. A receita de cerveja mais antiga conhecida tem mais de 4.000 anos.

Esta tabuinha de argila, que remonta a 3100-3000 aC na Mesopotâmia, mostra a distribuição da cerveja, de acordo com o Museu Britânico. O símbolo da cerveja é "uma jarra vertical com base pontiaguda", que você pode avistar três vezes na imagem acima.

Em outras notícias alucinantes, os trabalhadores da pirâmide egípcia foram pagos com cerveja, de acordo com a revista Smithsonian. Os trabalhadores recebiam de quatro a cinco litros por dia, pelo arqueólogo Dr. Patrick McGovern, que acrescentou que "você teria uma rebelião em suas mãos se eles se esgotassem. As pirâmides poderiam não ter sido construídas se não houvesse o suficiente Cerveja."


3. Já se acreditou que Aquavit tinha poderes de cura

Aquavit é derivado do latim aqua vitae, que significa "água da vida". O nome vem dos primeiros destiladores que acreditavam que os espíritos eram um líquido curativo, e a convenção é compartilhada por outros licores, como a palavra uísque derivada de uisce beatha ou conhaque do gaélico sendo referido como aguardente.

Dizia-se que o álcool, especialmente com ervas infundidas, ajudava a evitar doenças e a velhice, e parece que era comumente usado como remédio durante o período da Peste Negra. Hoje, o aquavit ainda é frequentemente usado para ajudar a digerir alimentos ricos.


Uma única abelha produz apenas um décimo segundo de uma colher de chá de mel por dia. Como a maioria dos hidroméis requer até dois galões do doce, cada gota é preciosa. O mel usado determina o sabor abrangente do hidromel e pode variar de acordo com a dieta particular de néctar e pólen de uma abelha. O hidromel tradicional costuma usar um mel suave, como flor de laranjeira, trevo ou acácia, mas os mel de flor silvestre, amora preta e trigo sarraceno produzem ótimos resultados com hidroméis condimentados mais resistentes.


Como uma cervejaria artesanal alemã funciona em torno da Lei Alemã de Pureza da Cerveja

& ldquoExiste uma cerveja que eu queria experimentar, e que era feita com pizza e dinheiro. & rdquo Tenho certeza de que no momento em que essas palavras saíram da minha boca foi o momento em que o alemão com quem estava conversando perdeu todo o respeito por mim. "Por que vocês, americanos malucos, bebem uma cerveja dessas?", perguntou ele com uma expressão de nojo e horror. A Big Ass Money Stout, que apresenta pizza congelada amassada e grandes pilhas de dinheiro, é a ideia da Evil Twin Brewing - uma cervejaria originária da Dinamarca e atualmente produzindo suas cervejas em Nova York - e da Lervig Aktiebryggeri, uma cervejaria na Noruega. É apenas um dos muitos exemplos de cervejarias em todo o mundo usando ingredientes peculiares para atrair os bebedores de cerveja.

O movimento global da cerveja artesanal, liderado pelos Estados Unidos, está em ascensão há anos. De acordo com a Brewers Association, o número de cervejarias artesanais nos EUA explodiu de 1.511 cervejarias em 2007 para 6.372 em 2017. E países como Dinamarca, Japão e até Itália saturaram os mercados de cerveja artesanal. À medida que a quantidade de opções de cerveja aumentou, também aumentou o número de acrobacias que os cervejeiros usam para ajudá-los a se destacar.

Entre algumas das cervejas experimentais mais selvagens estão Dogfish Head & rsquos Beer for Breakfast Stout, que é produzida com sucata de porco Wynkoop Brewing Company & rsquos Rocky Mountain Oyster Stout, que é produzida com testículos de touro e Rogue Ale & rsquos The Beard Beer, cujo ingrediente especial é a levedura cultivada na barba do mestre cervejeiro da empresa e rsquos. A lista continua e continua.

Mas enquanto as cervejarias nos Estados Unidos podem brincar com ingredientes malucos, as cervejarias na Alemanha - um país que reverencia a cerveja - estão restritas a quatro ingredientes básicos. A Lei Alemã de Pureza da Cerveja, ou Reinheitsgebot, está em vigor desde 1516 e limita os ingredientes usados ​​para fazer cerveja à água, cevada (ou malte) e lúpulo. O fermento é o quarto ingrediente permitido, mas não está listado na lei original porque o papel do fermento no processo de fermentação ainda não havia sido descoberto no momento em que foi escrito.

Foto cedida por Kae Lani

O decreto tinha três objetivos: proteger os bebedores de cerveja dos preços elevados, proibir o uso de trigo para garantir a disponibilidade e o preço acessível do pão e, o mais importante, impedir os fabricantes de cerveja de usar ingredientes duvidosos e às vezes tóxicos.

Antes da aprovação da Lei da Pureza, os cervejeiros alemães medievais usavam aparas de madeira, fuligem, espinheiro, raízes venenosas, beladona mortal e outros ingredientes para realçar os sabores, aromas e efeitos intoxicantes de suas cervejas. Mas se o cervejeiro não medisse os ingredientes corretamente, isso poderia significar uma doença grave ou morte para a pobre alma que bebeu a cerveja contaminada.

A tradição alemã de 500 anos não é mais sobre segurança. O principal objetivo da it & rsquos é garantir a qualidade de todas as cervejas produzidas em um país que se orgulha de sua cultura cervejeira. Portanto, não é nenhuma surpresa que séculos depois de a lei ter sido escrita, os alemães fiquem chocados com a ideia de que pizza e dinheiro estão indo para qualquer lugar perto do processo de fermentação.

Foto cedida por Kae Lani

Infelizmente, para os fãs de cerveja artesanal, isso significa nada de cervejas com sabor cítrico, nada de ales com especiarias e, especialmente, nada de chocolates na Alemanha, certo? Não exatamente.

Existem cervejeiros rebeldes que não cumprem a regra e usam coisas como chocolate, casca de laranja e açúcar (ingredientes inofensivos em comparação com os que outros fabricantes de cerveja em todo o mundo estão jogando), mas eles podem comercializar esses produtos como cerveja. Em vez disso, eles devem chamá-los pelo nome do estilo específico (IPA ou stout, por exemplo) e comercializá-los como Biermischgetr & aumlnke, & ldbebidas de cerveja misturadas. & rdquo Still, de acordo com O guardião , 85% dos alemães ainda confiam na Lei Alemã de Pureza da Cerveja e insistem que qualquer cerveja com mais do que cevada, lúpulo, água e fermento simplesmente não é cerveja.

A maioria dos cervejeiros alemães são tradicionalistas que ainda seguem a regra e acreditam que com 100 variedades de lúpulo, 40 tipos de cevada e malte e 200 variedades de levedura, há muito espaço para inovação. Maisel & ampamp Friends, uma cervejaria artesanal em Bayreuth, está entre os tradicionalistas que exploram os limites da Lei da Pureza - e tentam provar que as possibilidades são ilimitadas.

Quando a Cervejaria Maisel começou em 1887, ela rapidamente se tornou conhecida por pegar o estilo tradicional da Francônia de fabricação de cerveja e combiná-lo com a inovação. Sempre que uma nova tecnologia era introduzida - como motores a vapor e máquinas de engarrafamento semiautomáticas - a Cervejaria Maisel se adaptava, permitindo que se tornasse conhecida em toda a região da Francônia pela qualidade e consistência, especialmente quando se tratava de sua Maisel Weiss, um Hefeweizen clássico.

Foto cedida por Kae Lani

Maisel & ampamp Friends é um subproduto desse espírito pioneiro. A marca de cerveja artesanal experimental, que é um desdobramento da Cervejaria Maisel, começou em 2015 e rapidamente começou a trabalhar brincando com a nova tecnologia de cerveja e uma variedade de ingredientes locais. Maisel & ampamp Friends alcançou alguns sabores bastante ousados ​​e complexos, muitos dos quais você não pensaria que fossem possíveis de acordo com a Lei Alemã de Pureza da Cerveja.

A maioria dos segredos da cervejaria e dos rsquos reside nos ingredientes locais cuidadosamente selecionados. Os habilidosos cervejeiros gastaram muito de seu tempo e experiência procurando pela cevada (ou malte), lúpulo e cepas de levedura certas. O Choco Porter, por exemplo, tem gosto de chocolate amargo com notas de café expresso e caramelo doce, a ponto de você jurar que usou esses ingredientes no processo de fabricação da cerveja. Mas esses sabores são graças a uma seleção de maltes torrados escuros, permitindo que Maisel & ampamp Friends obtenham um sabor robusto ao mesmo tempo em que seguem a Lei Alemã de Pureza da Cerveja.

Junto com a Choco Porter, a linha inventiva de cervejas Maisel & ampamp Friends inclui a Citrilla, um híbrido cítrico de uma Weissbeir da Baviera e uma IPA americana, bem como uma cerveja especial da Bavária com notas de especiarias asiáticas. Todas essas cervejas criativas podem ser degustadas no Maisel & ampamp Friends & rsquo brewpub, Liebesbier.

Foto cedida por Kae Lani

Uma viagem para Maisel & ampamp Friends em Bayreuth é uma experiência extravagante e envolvente de cerveja. Além de uma cervejaria que contorna a realidade da lei alemã de pureza da cerveja, a instalação também abriga o Museu da Cerveja Maisel & rsquos.

O museu é um labirinto no estilo de Willy Wonka que conduz os visitantes por salas com equipamentos de cervejaria desativados, tão bem preservados que parecem cervejeiros que acabaram de passar o dia. As chaleiras de cobre e os medidores de temperatura antigos parecem ter sido retirados do set de um filme de Wes Anderson.

O museu também abriga uma coleção recorde de memorabilia de cerveja, que inclui mais de 5.500 canecas de cerveja e copos, bem como mais de 400 sinais de cerveja de lata rara. É uma extravagância de cerveja educacional e esclarecedora para iniciantes e especialistas.

Kae Lani Palmisano é a apresentadora ganhadora do Emmy do WHYY's Check, Please! Philly, um programa de televisão que destaca os restaurantes em toda a região da Filadélfia. Ela também escreve e apresenta WHYY & rsquos Delishtory, uma série digital que explora a história da comida. Como autora freelance sobre comida e viagens, ela foi publicada em KitchenAid Stories, Resy, USA TODAY, 10Best, Roads & amp Kingdoms e muito mais.

Leia mais sobre Kae Lani Palmisano aqui.

Conecte-se com Kae Lani Palmisano via: Blog | Facebook | Instagram | Twitter


Dez principais receitas de cerveja artesanal

Para preparar uma grande cerveja em casa, seja integral ou extrato, é necessário, antes de mais nada, uma compreensão do processo e do domínio da técnica de fabricação de cerveja. Isso não quer dizer que receitas criativas e bem balanceadas com todos os ingredientes certos não ajudam no produto final. Nós vasculhamos livros sobre cerveja, ouvimos podcasts de cerveja e conversamos com mestres cervejeiros para encontrar dez das melhores receitas de cerveja caseira que existem, representando uma variedade de estilos de cerveja. As receitas que encontramos vêm de alguns dos melhores cervejeiros profissionais do país e também de cervejeiros caseiros absurdamente dedicados. Saúde!

Definições:

Tamanho do batch: A quantidade de cerveja presente no final do lote.

Gravidade Original (OG): A quantidade de açúcares presentes no mosto antes de a levedura ser inoculada

Gravidade final (FG): A quantidade de açúcares residuais presentes na cerveja após a fermentação

Amargura: Medido em Unidades Internacionais de Amargor (IBU), quanto maior o número, mais amargor você pode esperar

Cor: A medida de referência padrão (SRM) reflete os graus Lovibond que variam de 3,5 para uma tonalidade pilsner a mais de 25 para uma cerveja preta quase opaca.

Lúpulo: Diferentes cepas de lúpulo fornecem sabores diferentes e conferem níveis variados de amargor. A porcentagem listada indica o nível de amargura para aquela cepa. O número de minutos listados na receita indica por quanto tempo cada adição deve ser fervida. Assim, uma adição de lúpulo de 60 minutos deve ser adicionada no início da fervura e uma adição de lúpulo de 5 minutos deve ser adicionada 5 minutos antes de a chama ser desligada e o resfriamento começar. As adições de lúpulo seco são adicionadas após o término da fermentação.

Dicas e truques

Saiba sua taxa de fervura: Ferva uma quantidade fixa de água como um teste para descobrir quanta água seu sistema perde por evaporação durante a fervura (pode variar de cervejaria para cervejaria com variáveis ​​como tamanho da chaleira e saída do queimador). Isso lhe dirá quanto mosto você precisa para atingir o tamanho de lote desejado. Por exemplo, se você encher sua chaleira com 4 galões de água e fervê-la por meia hora e descobrir que sobrou 3,5 galões de água, saberá que está fervendo meio galão a cada 30 minutos. Um lote típico de 5 galões com fervura de 60 minutos exigirá que você comece com 6 galões de mosto.

Ajustando a gravidade de uma cerveja: Se suas leituras de gravidade não são o que você deseja, pode adicionar extrato de malte seco para aumentar a gravidade ou adicionar água para diminuir a gravidade. Apenas certifique-se de que os ajustes do extrato de malte seco sejam adicionados no início da fervura.

Ajustando o amargor de uma cerveja: Os níveis de amargura (ácidos alfa ou (% AA) do lúpulo variam de cultura para cultura, mas você pode fazer alguns ajustes rápidos para garantir que a amargura permaneça consistente. Basta inserir os números em um programa de software de fermentação ou ferramenta online gratuita como cálculo de cerveja para descobrir quanto lúpulo adicionar a uma cerveja para atingir o nível de amargor desejado de uma receita.

Quantidades de fermento: Preparar a quantidade adequada de fermento é extremamente importante para qualquer receita. É altamente recomendável usar a Calculadora de Taxa de Propagação do Sr. Malty para determinar a quantidade de fermento necessária para qualquer receita de cerveja. A calculadora é uma ferramenta online gratuita e também está disponível como um aplicativo pago para iPhone.


15 coisas que você não sabia sobre chipotle

Como você pode ter comido no Chipotle tantas vezes e ainda ter tanto a aprender sobre a popular grelha mexicana? Por exemplo, você sabia que existe um programa exclusivo de recompensas ao cliente que faz as pessoas enlouquecerem ou que um cantor e compositor popular fornece à rede 30.000 libras de abacates todos os anos?

Se você é um verdadeiro fã do maior moinho de burrito da Terra, continue lendo para que possa contar aos seus amigos da próxima vez que for. Claro, nada pode substituir o seu restaurante mexicano local. E embora os anúncios da Chipotle tenham sido criticados por contornar alguns detalhes, a rede parece estar se esforçando para alcançar a qualidade e a sustentabilidade. Talvez não seja uma surpresa que sua comida deliciosa desperte algum fandom obsessivo, mas é um pouco mais chocante que tão poucas pessoas saibam disso.

1. Existe uma "moeda burrito" especial.

Eles são muito raros, mas já em 1999 a Chipotle oferece moedas de burrito de graça para clientes fiéis. O design mudou ao longo dos anos e você pode comprar algumas versões diferentes no eBay. Chipotle confirmou que as moedas, infelizmente, só são válidas para um burrito.

2. 100.000 abacates são usados ​​todos os dias em seu guacamole. Aqui está a receita secreta, segundo um ex-funcionário.

Você pode ter que reduzir este aqui, a menos que esteja fazendo um lote enorme. Mas quando você já bebeu muito guacamole?

Abacates (48 tamanho normal)
Cebola vermelha (2 1/2 xícaras em cubos)
Coentro (2 1/2 xícaras de 1/4 "em flocos)
Jalapenos (1 xícara em cubos)
Suco de limão (suco cítrico, 1/2 xícara ((PRIMEIRO ANTES DE Amassar!)))
Sal (3 colheres de sopa)

Às vezes, é preciso mais 1/2 colher de sopa de sal, geralmente coloco menos coentro no meu. Eu trabalho na Chipotle.

Embora seja tecnicamente projetado para uma rede que gasta 97.000 libras de abacates todos os dias, um site de fãs do Chipotle tem uma receita para uma porção menor.

3. Jason Mraz fornece abacates para Chipotle.

O cantor e compositor Jason Mraz opera uma fazenda de abacate fora de San Diego que produz 30.000 libras da fruta todos os anos. A maioria desses abacates vai para um Chipotle local, mas Mraz diz que costuma comer de dois a quatro deles todos os dias.

4. Na verdade, não há um menu secreto, embora os funcionários façam um "quesarrito" gentilmente para você se a fila for curta.

O "menu secreto" que todos conhecem não é real. Dito isso, os funcionários são obrigados a fazer tudo o que você pedir com seus ingredientes, portanto, você pode pedir tecnicamente itens como nachos ou o famoso "quesarrito". Veja como um ex-funcionário explicou aquele gigante da comida.

"Não temos um menu secreto, mas o item mais popular (não tão secreto) é o quesarrito: fazer uma quesadilla e depois abri-la para fazer um burrito. Por amor de Bob Esponja, não peça isso se houver uma fila longa. Seu burrito queimará e não terá um gosto muito bom. Você também pode pedir quesadillas simples ou de carne. "

5. Chipotle pode estar entrando no negócio de pizza.

Chipotle anunciou recentemente que era um parceiro investidor na Pizzeria Locale, uma empresa de pizza em crescimento no Colorado. A Chipotle fez uma parceria discreta com a empresa antes de abrir o capital.

Por apenas US $ 6,50 e alguns minutos de espera, você pode conseguir uma pizza inteira de 28 centímetros. A Pizzeria Locale tem planos vagos de expansão, mas, infelizmente, por enquanto, parece que eles vão ficar no Estado do Centenário. Os coloradianos ficam com tudo.

6. Um cliente em uma cadeira de rodas processou a empresa com sucesso, alegando que seu alto balcão de pedidos o impediu de ver a "experiência Chipotle".

Maurizio Antoninetti e seu advogado, Amy Vandeveld, levaram Chipotle ao tribunal, acusando a empresa de não acomodar clientes em cadeiras de rodas. Na época do processo, a política da Chipotle era oferecer amostras e levantar os recipientes de comida sobre o balcão para mostrar os clientes com cadeira de rodas, mas Antoninetti queria que eles baixassem o balcão de pedidos de 44 polegadas. No final, Antoninetti ganhou o caso.

7. Atualmente, a Chipotle só serve café da manhã em dois locais, mas alguns estão se perguntando se expandirão sua operação de café.

Os aeroportos internacionais de Baltimore-Washington e Dulles têm a sorte de ter restaurantes Chipotle que servem durante o café da manhã. O local do BWI ainda tem seu próprio menu de café da manhã, que inclui fritadas.

A Chipotle também começou a servir o café La Colombe da Filadélfia em alguns locais de Washington D.C. no final de 2013, gerando especulações de que eles poderiam estar testando isso para um crescimento futuro. Um representante da Chipotle disse ao HuffPost que eles não têm planos de fazer isso.

8. A palavra "chipotle" vem da palavra náhuatl, "chilpoctli" e significa "chili defumado".

O náhuatl era a língua dos astecas e passou a dominar a região do México Central desde o século 7 d.C. A palavra náhuatl para um tipo de pimenta defumada acabou se tornando a palavra para a pimenta mexicana que conhecemos e amamos hoje.

9. Existe um programa de recompensas para clientes exclusivo denominado "Equipe da Fazenda".

O Farm Team é um programa de recompensas ao cliente com foco educacional na criação industrial e em outros aspectos da indústria de alimentos. Os participantes do programa podem ganhar comida, camisetas e, potencialmente, pedidos de bufê de $ 200 de graça. Infelizmente, para entrar no programa é necessário um código de convite, o que não é fácil de encontrar.

Aparentemente, você pode conseguir um se convencer um gerente local da Chipotle a ajudá-lo (seja legal!) Ou pode tentar a sorte comprando um no eBay. Alguém comprou um código de convite por $ 45 em 2013.

10. Os caminhões de entrega da Chipotle têm uma placa para evitar ladrões famintos que diz: "Os motoristas não carregam burritos".

Embora não tenhamos conseguido encontrar uma declaração oficial obrigando este rótulo, muitas fotos semelhantes podem ser encontradas carregadas em contas do Twitter e Instagram, provando que esta não é apenas uma imagem Photoshop.

11. Russell Wilson, do Seattle Seahawks, recebeu burritos de graça por um ano.

Russell Wilson é o quarterback titular do Seattle Seahawks com destino ao Super Bowl de 25 anos. Wilson também é a pessoa mais sortuda do planeta, pois recebeu um cartão personalizado da Chipotle que lhe dá um ano inteiro de burritos grátis.

O quarterback parece estar gostando de seu presente até agora.

Então @ChipotleTweets está batendo 1000 no meu livro de jantar!

& mdash Russell Wilson (@DangeRussWilson) 22 de outubro de 2013

12. Chipotle está experimentando servir cerveja artesanal.

A cerveja da 5 Rabbit Brewery começou a entrar nos restaurantes Chicago Chipotle em 2012, com ofertas de Golden e Dark Ale. A parceria ainda está em andamento - no outono passado, a cervejaria com sede em Chicago criou uma "Farmhouse Ale" apenas para a Chipotle.

13. No Halloween, os burritos se tornam oficialmente "booritos".

A Chipotle possui até o url, "boorito.com".

Embora eles costumavam oferecer booritos grátis no Halloween para clientes que se vestiam com papel alumínio, eles agora os oferecem por US $ 3, com receitas de até US $ 1.000.000 indo para sua Chipotle Cultivate Foundation. A fundação é uma organização sem fins lucrativos que visa promover práticas alimentares sustentáveis.

14. O fundador originalmente fundou a Chipotle apenas para ganhar dinheiro suficiente para abrir um restaurante sofisticado.

After attending the Culinary Institute of America, founder Steve Ells originally wanted to own a fancy, white table cloth restaurant, so he started Chipotle to make the money to do so. Even after the initial expansions from the first Chipotle restaurant in Denver (which was converted from an old ice cream store) Ells still was thinking about cashing out and going into the fine dining business. When the burrito business took off extremely quickly, Ells decided to stick with burritos.

15. Chipotle went with a minimalist store design because it lacked the money for something fancier.

"I didn't have much money, so we had to make these very simple parts from the hardware store work in order to create the design," said Ells of the simple and now iconic decor.

The founder of the company, which is now estimated to now be worth over $15 billion, originally had to take an $80,000 loan from his father to open the first restaurant.

Ells still recalls "hauling his butt to the hardware store to buy the plywood, barn metal and conduit to make Chipotle's often-mimicked utilitarian light fixtures."

Bonus: Steve Carrell signed a tortilla for a Chipotle employee.

Not too much is known about this story, but apparently Carrell went into a Chipotle where an employee asked him to sign a tortilla. Carrell obliged, and immediately became a burrito legend.

Burritos truly bring us closer together.

All images Getty unless otherwise noted.

This story has been updated with additional information about Chipotle's coffee service, as well as the nature of Wilson's free burritos card.


10 Things You Should Know About Deschutes Brewery

“Do your best, and next time, do better.” Such is the motto of Deschutes Brewery, a brewery deeply rooted in its home and community of Bend, Oregon. As the eighth-largest independent brewing company in the country, and 15th-largest brewing company overall, it comes as no surprise that the brewery is constantly working to improve.

Aside from its serious business sense, and impressive sustainability efforts, Deschutes also knows how to have fun. Here are 10 things to learn about that brewery you didn’t know you were mispronouncing.

Deschutes Brewery is named after a river, a county, and a forest

It’s pronounced “Deh-schutes,” and it’s based in Bend, Oregon, a small, beer-loving city on the Deschutes River in Deschutes County. Perhaps unsurprisingly, the brewery names a number of its beers after nearby landmarks, like its flagship beer, Black Butte Porter. Black Butte — pronounced “beaut” (basically, a standalone hill with steep sides and a flat top) — is a hill formed by volcanic ash, and it’s a popular hiking destination in Deschutes National Forest. It is said to be a vantage point for central Oregon mountains like the Three Sisters, Mount Jefferson, Three Finger Jack, and, on a clear day, Mount Hood, Mount Adams, and even Washington State.

Every Beer Lover Needs This Hop Aroma Poster

Deschutes is 100 percent family- and employee-owned

The brewery is still majority owned by its founder, Gary Fish, and his family. In 2013, Deschutes announced an employee stock ownership plan (ESOP), meaning employees are able to gain company shares correlating to their number of years at the company. To do this and be one of the country’s biggest breweries is pretty badass. “We are not owned by, or selling to, any large brewer or other entity, nor do we have any plans to,” Fish says. “We’re having too much fun to change.”

Deschutes turned 30 in 2018

You don’t turn 30 and look this good by winging it, trust us. In 1988, Deschutes opened Deschutes Brewery & Public House on Bond Street in Bend. Twenty years later, it opened a second brewpub in Portland, Oregon. Last year, Deschutes debuted its first East Coast location: a new tasting room in Roanoke, Virginia. The brewery also operates a tasting room out of its production facility in Bend, where it offers tours, brewery swag, crowlers, and, of course, lots of beer.

Deschutes is building an East Coast production facility too

The Roanoke taproom is already open, complete with 20-gallon pilot system, but the big debut is yet to come. Deschutes will be breaking ground in 2019 on a new production facility here, aiming to ship beer by 2021. Deschutes beer is already available in most cities in Virginia.

Deschutes likes to party!

For its 30th anniversary, Deschutes threw a birthday bash that featured 30 different beers on tap. A subsequent party at the brewpub, Brew Bash 5000, celebrated 5,000 batches of beer brewed. Deschutes also participates annually in a state-wide beer festival called Zwickelmania, organized by the Oregon Brewers Guild. February 2018 marks the 10th year of Deschutes’ participation in both Bend and Portland. For the special day, the brewhouses are open to the public for free tours, special samplings, and, of course, Zwickel tasting straight from the tanks, as per Bavarian tradition.

… And to party for good causes

Go Outside Fest, a partnership between the nonprofit Roanoke Outside Foundation and the City of Roanoke Department of Parks and Recreation, presented by health insurance corporation Anthem Blue Cross and Blue Shield, encourages healthy outdoor activities for Virginians. Street Pub, an outdoor street festival in which Deschutes takes over an entire block, raises money for local charities around the country. Past locations have included Cincinnati, Roanoke, Milwaukee, Portland, Oregon, and Sacramento.

Deschutes loves food … a lot

In addition to operating two brewpubs, one in Bend and one in Portland, Oregon, Deschutes maintains an active blog with advice on beer cuisine-related topics like pairing beer and pizza, beer and ramen, and beer and pie (its favorite dessert pairing). The brewery also posts recipes that use its beers as ingredients, like Easy Porter Cupcakes (using Black Butte Porter) and Ale Seafood Ceviche (with American Wheat).

Deschutes makes a beer whiskey

Along with year-round beers, seasonals, the hop-driven Bond Street Series and a special Reserve Series that includes the famously annually released Abyss, Deschutes partnered with Bendistillery to create a malt whiskey from a Deschutes beer — you guessed it — Black Butte Porter. The whiskey is double-distilled from the wash of the beloved flagship beer. Black Butte Whiskey is available at the Bend and Portland brewpubs.

Deschutes is a leader in sustainability

Deschutes Brewery won a 2016 Sustainability Award in the leadership category for making sustainability an integral part of its business. The company also won a 2015 Oregon Sustainability Award after purchasing 5 million kilowatt hours of renewable energy (enough to take 763 cars off the road for a year) replacing production facility lighting with LEDs (this uses 69 percent less energy, enough to power eight homes for a year) and recycling 404,407 pounds of cardboard and plastic. The Deschutes pub in Portland also received an honorable Gold Certification through the City of Portland Sustainability at Work program.

Deschutes started distributing in cans in 2018

After 30 years as a leading craft brewery in the Pacific Northwest, Deschutes announced in February 2018 that it would finally release its beers it cans. In particular, Mirror Pond Pale Ale, Pacific Wonderland Lager, and Fresh Squeezed IPA are available in 12-ounce cans nationwide, with the likelihood of rolling out more brands in the future.


10 More Things You Don’t Know

Ever wanted to learn interesting facts or difficult skills, merely by eating another person who already learned them for you? Studies have shown that certain kinds of flatworm can do exactly that: simply by eating the mashed-up corpses of their wise and experienced elders, they can learn how to navigate a maze, for instance. Since we humans have to rely on other means of acquiring knowledge, here&rsquos a list to get you started:

One theory of why Albert Einstein was so brilliant at mathematics has to do with a physical abnormality: he was born without the visual reasoning center of his brain. This is the center that enables you to comprehend the difference between a zebra and a trash can. Assuming Einstein had never seen either, he would not have been able to reason which was which. But to make up for this, his mathematical computation center grew to twice the size of yours and mine, because it was able to use all the room next door where visual reasoning was absent.




Because of Fearless Felix Baumgartner and his record breaking skydive in October this year, scientists now know for a fact that if an astronaut equipped with a parachute were to become trapped outside a stationary spacecraft in orbit, he could simply kick off the side of the craft and fall to Earth. He would have to radio ahead, of course, lest he find himself bouncing around in the middle of an ocean. If he were to wear a wing-suit, then upon striking sufficiently thick atmosphere, he would be able to glide the whole way across the Atlantic Ocean, from Nova Scotia to Ireland.




The astronauts who walked on the Moon quickly discovered a number of very strange things about it, and most of these remain unsolved mysteries to this day. As an example, whenever a meteor of the size of a basketball of larger struck the Moon, the astronauts reported hearing the Moon ring like a gigantic gong &ndash as though it were hollow metal. The Moon is pitched in C-sharp.




In almost all commercial and print advertisements, watches and clocks read 10:10. If it&rsquos a watch commercial, this is because the hands don&rsquot block the brand name. If the time is featured in a commercial or ad for any other product, the hands resemble a person&rsquos arms raised in happiness. It is a more positive hand position than the inversion of 8:20, and banks on the theory that a person in a happier frame of mind is easier to persuade.




Certain species of planarians (a type of flatworm) have been gradually taught to run a maze. If you grind them up and feed them to a second batch of planarians, the second batch can run the maze on the first try.




There is a South Dakota state law, still current, that goes as follows: &ldquoAny group of five or more Indians of any tribe or nation is to be considered a raiding party and may be fired upon.&rdquo Many lists could be compiled of truly stupid laws, but this one is genuinely dangerous. A person in South Dakota could deliberately murder 5 Native Americans at once and get off scot free.




You are born with all the brain cells you&rsquore going to get, anywhere from 50 to 100 billion. They are the smallest cells in the body. Once they die, the number goes down and stays down. A 12-ounce beer will kill precisely zero of them. Drinking 5 beers and waking up with a hangover will kill precisely zero of them. But drinking yourself sick every day for 30 years will kill millions of them, because of the stress through which you&rsquore putting your brain. The next morning&rsquos headache is caused by the alcohol evaporating water all over the body, especially in the head. Drinking water during the night&rsquos festivities will largely prevent the hangover. However, a 10-minute fever at 106 degrees Fahrenheit will kill about 50 million brain cells.


If hunters are counted as a military force, the State of Wisconsin has the 8th largest standing army in the world, at about 615,000. That&rsquos almost 100,000 more armed people than there are in the Iranian Army.




One of the most horrifying cryptids is the J&rsquoba fofi (CHAH-bah FOO-fee). It is a brown spider, either a tarantula or something similar, with a leg span of four to six feet. The Baka tribe of the Congo Jungle in Africa swears these spiders exist. The Baka have never profited a single cent from tales of the spider, and they adamantly maintain that it lives just outside their villages. It builds ground webs of leaves formed into tubes resembling cornucopias, with a sheet of silk around the front. The Baka claim that anything smaller than a medium-sized dog &ndash including children &ndash can be snatched by the spiders




Consider this a definitive answer to a recurring trivia question. The strongest muscle in the human body, in proportion to weight, is the masseter muscle, which is the muscle you use for mastication. You have two &ndash one on either side of your jaw &ndash and each can impart 900 pounds of force. If only your teeth could withstand it, you&rsquod be able to chew up a cinder block, or puncture a truck tire.

The butter vs cooking oil debate has finally been resolved. Fotie Photenhauer has published a cookbook in which every recipe calls for human semen as a cooking oil. He touts it as extremely nutritious.